Logo Giro
Search
Close this search box.
giro

Prazo para regularização de imóveis em Cotia termina em 31/12

Logo Giro
Conferência aconteceno dia 15 de junho (Vagner Santos/Prefeitura de Cotia)

Os moradores de Cotia que possuem edificações em desacordo com a lei devem procurar o setor de protocolos da administração municipal

Os proprietários de imóveis residenciais, comerciais ou industriais que estão em desconformidade com a Lei Complementar 334/2022 – que dispõe sobre o zoneamento de uso e ocupação do solo de Cotia – podem requerer até o dia 31 de dezembro de 2023 sua regularização com incentivos previstos pela Lei Complementar 352/2023. O requerimento é feito por meio de um processo simplificado e com isenção da Taxa de Regularização e do ISSQN para imóveis residências com até 70 m² de área construída.

As solicitações de regularização devem ser protocoladas no Setor de Protocolos e endereçadas à Secretaria de Habitação e Urbanismo, juntamente com todos os documentos relacionados. A possibilidade de financiamento e de utilizar o imóvel como garantia de pagamento em caso de penhora são algumas das vantagens da regularização da edificação.

Prazo para regularização de imóveis em Cotia termina em 31/12
Proprietários precisam levar documentos e efetuar o protocolo endereçado à Secretaria de Habitação de Cotia (Vagner Santos/PMC)

Laudo para regularização em Cotia

Os direitos estão certificados pela Lei Complementar para: imóveis que não sejam objeto de demanda judicial; não estejam em logradouros ou terrenos públicos, bem como em áreas de risco, áreas de proteção de mananciais ou áreas de preservação permanente. O titular e o responsável técnico terão que garantir, mediante laudo circunstanciado a estabilidade, a segurança, higiene, salubridade e o respeito ao direito de vizinhança.

LEIA MAIS: Em Cotia, prazo para desconto nas multas para tributos atrasados termina no dia 28/12

Jornalismo regional de qualidade
Há mais de 16 anos, o GIRO noticia os acontecimentos mais importantes nos 12 municípios que compõem o consórcio *Cioeste. Essas cidades estão localizadas na Região Metropolitana da Grande São Paulo e possuem uma população que ultrapassa os 2,5 milhões de habitantes.    

Siga o perfil do jornal no Instagram e acompanhe outros conteúdos.

*Cioeste: Araçariguama, Barueri, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Itapevi, Jandira, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Santana de Parnaíba, São Roque e Vargem Grande Paulista.

Receba nossas notícias em seu e-mail