Logo Giro
Search
Close this search box.
giro

ViaMobilidade: manutenção na Linha 8 altera intervalo dos trens nas estações até Itapevi

Logo Giro
Intervalo entre as estações Barra Funda e Itapevi chega a 8 minutos (Marcelo Collim/Giro S/A)

Intervalo entre as estações Barra Funda e Itapevi chega a 8 minutos. Já no trajeto entre as estações Júlio Prestes e Barra Funda o intervalo é de 16 minutos.

Os usuário dos trens da Linha 8-Diamante, que abrange cinco cidades do consórcio de 12 municípios da região oeste da Grande São Paulo, devem ficar atentos nesta sexta-feira (26) para a mudança no intervalo entre as composições.

Segundo a ViaMobilidade, concessionária que administra a linha, devido a uma manutenção programada houve alteração no tempo de espera, entre as estações Barra Funda e Itapevi o intervalo chega até a 8 minutos.

LEIA TAMBÉM: ViaMobilidade protocola no MP proposta de investimento nas Linhas 8 e 9 de Osasco e região

“Devido à manutenção programada, os trens da Linha 8-Diamante estão circulando com intervalo de 16 minutos entre as estações Júlio Prestes e Barra Funda, e 8 minutos entre Barra Funda e Itapevi”, diz a orientação publicado no site da empresa.

ViaMobilidade apresenta plano de investimentos nas Linhas 8 e 9

O plano apresentado na segunda-feira prevê o investimento em cinco frentes e intervenções em duas estações. Em Barueri, a estação Antônio João receberá implantação de novas escadas rolantes, elevadores, mezanino, sanitários e bicicletário. Já na estação Presidente Altino, em Osasco, haverá instalação de passarelas nas extremidades das plataformas.

Além disso, também estão previstas intervenções nas seguintes estações: na estação Barra Funda será realizada a ampliação do mezanino e instalação de escadas rolantes e na estação Primavera Interlagos haverá ampliação do número de catracas e da cobertura externa. Também haverá investimento no sistema de informação com a implantação de tecnologia ao longo das linhas para dar informação em tempo real aos passageiros sobre chegada e partida dos trens por meio da leitura de QR Code.

Ministério Público investiga falhas da ViaMobilidade

O MP investiga a sequência de falhas na operação desde que a concessionária ViaMobilidade assumiu linhas de trem. Nas vistorias, equipes identificaram vários problemas, entre eles, dormentes de madeira em estado avançado de degradação; falta de parafusos em trechos dos trilhos; trilhos desgastados; trilhos sem grampo de fixação; falta de poda da vegetação ao longo das vias.

Em relatório, o MP sugeriu a troca de trilhos e aparelhos de mudança de via desgastados ou danificados e conclui que a concessionária deve acelerar as ações de melhorias nas linhas, além de antecipar a proficiência dos funcionários e obter o auto de vistoria dos bombeiros.

Receba nossas notícias em seu e-mail