Logo Giro
Search
Close this search box.
giro

Construção civil: Caged aponta que setor segue aquecido em Osasco e região

Logo Giro
Do total de 12 cidades, apenas duas ficaram negativas no setor em janeiro (Henrique Vilela/Giro S/A)

Em janeiro, a Construção Civil obteve saldo positivo de 807 vagas de emprego, sendo o 1º gerador de novos postos em Barueri e São Roque

No mês de janeiro, o setor da Construção Civil gerou 807 novas vagas de emprego em 12 cidades da Região Metropolitana Oeste da Grande São Paulo, segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Osasco foi o município que mais contratou neste período, com saldo positivo de 222 postos de trabalho com carteira assinada, sendo o 2º setor com melhor resultado. Foram 741 admissões e 519 desligamentos. O saldo positivo é o número de contratações menos o de demissões.

+SIGA os canais de notícias do Giro no WhatsappTelegram e Linkedin.

O segmento de Serviços foi o que mais destacou-se em janeiro de 2024, com a geração de 1.038 novas vagas. Porém, também foi o ‘campeão’ de desligamentos na Região Metropolitana Oeste. Já o setor da Construção Civil obteve saldo negativo apenas em duas cidades.

Construção civil: Caged aponta que setor segue aquecido em Osasco e região
O setor é um dos que mais emprega na Região Metropolitana Oeste da Grande São Paulo (Henrique Vilela/Giro S/A)

Construção civil: outras cidades

Barueri foi o segundo município que mais gerou novas oportunidades de trabalho no segmento, com 190 vagas. A Construção Civil representou a maior parte das contratações no mês de janeiro. Foram 1.495 contratações e 1.305 demissões. Em seguida vem Carapicuíba, com saldo positivo na construção de civil de 140, o 2º na cidade. Foram 363 admissões com carteira assinada e 223 desligamentos.

Santana de Parnaíba registrou 75 admissões. Já em Itapevi foram 74 novas vagas, com o setor ocupando o 2º lugar na geração de empregos no município. Em São Roque, o setor foi o que mais contratou: 39 novas oportunidades de trabalho.

Cotia e Cajamar tiveram saldo positivo de 25 e 24, respectivamente. Em Vargem Grande Paulista foram geradas 10 novas vagas na construção civil. Em Araçariguama, oito.

Dois municípios registraram saldo negativo no segmento em janeiro deste ano: Jandira, com – 29 postos, e Pirapora do Bom Jesus, com – 7 vagas de emprego.

No Estado de São Paulo, o setor da Construção Civil foi o segundo maior gerador de novos postos de trabalho em janeiro deste ano, ficando atrás apenas de Indústria. O saldo positivo foi de 19.194, com 64.814 contratações com carteira assinada e 45,620 desligamentos.

No Brasil, o saldo positivo no segmento foi de 49.091, ficando atrás de Serviços e Indústria.

+SIGA os canais de notícias do Giro no WhatsappTelegram e Linkedin.

Construção civil: Caged aponta que setor segue aquecido em Osasco e região
Construção Civil foi o maior gerador de novas vagas de emprego em Barueri no mês de janeiro (Divulgação/Prefeitura de Barueri)

Jornalismo regional de qualidade
Há mais de 16 anos, o GIRO noticia os acontecimentos mais importantes nos 12 municípios que compõem o consórcio *Cioeste. Essas cidades estão localizadas na Região Oeste Metropolitana de São Paulo e possuem uma população que ultrapassa os 2,5 milhões de habitantes.    

Siga o perfil do jornal no Instagram e acompanhe outros conteúdos.

*Cioeste: Araçariguama, Barueri, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Itapevi, Jandira, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Santana de Parnaíba, São Roque e Vargem Grande Paulista.

Receba nossas notícias em seu e-mail

Cookie policy
We use our own and third party cookies to allow us to understand how the site is used and to support our marketing campaigns.

Headline

Never Miss A Story

Get our Weekly recap with the latest news, articles and resources.