Logo Giro

Notícias

Search
Close this search box.
giro

Primeiro lugar: Barueri é a cidade mais competitiva do País pelo 3º ano consecutivo

Logo Giro
Barueri ficou em primeiro lugar nos indicadores Sustentabilidade Fiscal, Inserção Econômica e Inovação e Dinamismo Econômico (Uelson Henkell/Giro S/A)

Ranking do Centro de Liderança Pública: município ficou em 1º lugar nos setores de Sustentabilidade Fiscal, Inserção Econômica e Inovação e Dinamismo Econômico e subiu em Acesso à Educação

Na 3ª edição do Ranking de Competitividade e Sustentabilidade dos Municípios, Barueri aparece como a cidade mais competitiva do País em 2022, mantendo-se na mesma posição de 2021 e 2020. Realizada pelo Centro de Liderança Pública (CLP), a lista tem o objetivo de apoiar os líderes públicos brasileiros nas tomadas de decisão, com foco na melhoria da gestão dos municípios.

Barueri ficou em primeiro lugar nos itens Sustentabilidade Fiscal, Inserção Econômica e Inovação e Dinamismo Econômico. Nos dois primeiros, saltou uma posição em comparação aos dois anos anteriores. O município subiu um ponto também em Acesso à Educação, ficando na 17ª posição, e em Qualidade da Educação ocupa o 27º lugar em 2022, ante o 26º no ano anterior.

Por outro lado, em Acesso à Saúde caiu na lista: foi de 18 para 32. O indicador Capital Humano também registrou queda, de 13 posições, ficando em 29º lugar no ano passado.

Na colocação geral da região Sudeste, Barueri também surge em 1º lugar no ranking de 2022.

OUTRAS CIDADES
No ranking geral, Santana de Parnaíba aparece no 8º lugar, caindo uma posição em comparação a 2021. No indicador Qualidade da Saúde, o município ficou em 11º lugar, subindo 80 posições. Em inserção Econômica, passou de 46 para 40.

Em 2021, a cidade conquistou o primeiro lugar em Sustentabilidade Fiscal, caindo para o 2º no ano passado. Mas entre as cidades acima de 100 mil habitantes, Santana de Parnaíba é a 5ª com o menor índice de mortalidade infantil.

Em seguida no ranking geral vem Osasco, na 34ª posição (caiu seis em relação a 2021). No item Sustentabilidade Fiscal conquistou o 7º lugar, subindo 52 pontos na lista. Em Funcionamento da Máquina Pública subiu 29 posições, chegando ao 147ª lugar.

Já nos indicadores Saneamento e Segurança caiu 10 pontos, ocupando a 121ª e a 57ª posições, respectivamente. Em Acesso à Educação, subiu 18 pontos, ocupando, em 2022, o 65º lugar.

Confira outras cidades da região que integram o consórcio de municípios Cioeste, bem como suas respectivas colocações no ranking geral e destaques:

Cotia – 121 (caiu três posições). Em Telecomunicações, subiu 52 posições, ocupando, aogra, o 128º lugar.

São Roque – 149 (subiu 16). No indicador Qualidade da Saúde foi para a 3ª posição, saltando 165 lugares.

Itapevi – 201 (caiu 15 posições). Em Qualidade da Saúde ficou na posição 147, o que representa 51 a mais em comparação a 2021.

Jandira – 236 (caiu 97). No item Inovação e Dinamismo Econômico avançou 86 pontos, ficando em 148º lugar em 2022. Em Segurança caiu oito pontos, ficando na 11ª posição.

Carapicuíba – 260 (subiu seis posições em relação a 2021). Em Sustentabilidade Fiscal está na 38ª posição, subindo 122 pontos.

RANKING
O ranking avalia os 415 municípios brasileiros (7,45% do total) com mais de 80 mil habitantes – segundo estimativa do IBGE para o ano de 2020. Isso corresponde a 59,96% da população brasileira, o que corresponde, atualmente, a cerca de 127,91 milhões de habitantes. O estudo analisa 65 indicadores, como saneamento, funcionamento da máquina pública, questões fiscais, saúde, educação, segurança e meio ambiente. Esses indicadores estão organizados em 13 pilares temáticos e três dimensões: instituições, sociedade e economia.

Receba nossas notícias em seu e-mail

Cookie policy
We use our own and third party cookies to allow us to understand how the site is used and to support our marketing campaigns.

Headline

Never Miss A Story

Get our Weekly recap with the latest news, articles and resources.