Logo Giro
Search
Close this search box.
São Pedro e São Paulo: Cajamar e Carapicuíba terão festas
Em comparação com os cinco primeiros meses do último ano, houve uma queda de 1% neste tipo de crime (Divulgação/PMESP)

A incidência de crimes correspondem às ocorrências de “furtos outros”, quando os criminosos levam objetos sem que a vítima perceba.

De janeiro a maio, as 12 cidades que integram a Região Oeste da Grande São Paulo, registraram 8.880 casos de furtos-outros. Os dados foram levantados nesta quarta-feira (26), com exclusividade pela reportagem do Giro, com dados divulgados pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-SP).

A incidência de crimes corresponde às ocorrências de “furtos outros”, quando os criminosos levam objetos sem que a vítima perceba.

Em comparação com os cinco primeiros meses do último ano, houve uma queda de 1% neste tipo de crime, no qual, os municípios de Araçariguama, Barueri, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Itapevi, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Santana de Parnaíba, São Roque e Vargem Grande Paulista registraram cerca de 11.992 delitos.

Leia Mais: Governo de SP: Carapicuíba será contemplada com escola

No mês de maio de 2024, Osasco foi a cidade que mais registrou esta modalidade criminal, com 635 casos. Barueri contabilizou 229 crimes, Carapicuíba contabilizou 267 ocorrências, Cotia anotou 184 violações e Itapevi 170 casos de furtos-outros.

Ações contra furtos

São Pedro e São Paulo: Cajamar e Carapicuíba terão festas
Pirapora do Bom Jesus foi a cidade com menos crimes registrados (Divulgação/SSP-SP)

Para coibir as ações criminais, forças de segurança pública como a Polícia Militar (PM), Polícia Civil e Guardas Civis Municipais (GCM), tem investido em diversos trabalhos. Na última sexta-feira (21), ao longo de 24 horas, agentes de Osasco e Carapicuíba compartilharam informações e atuaram de forma integrada, por meio da operação “Saturação Integrada”, na divisa dos dois municípios.

A operação, teve como foco na recaptura de foragidos e no combate ao tráfico de drogas e ao crime organizado. As atividades resultaram em cinco indivíduos presos, dois menores de idade apreendidos e cinco foragidos capturados.

Leia Mais: LDO 2025 prevê um orçamento de R$ 5,3 bilhões para Osasco

Pirapora do Bom Jesus foi a cidade com menos crimes registrados, com apenas quatro ocorrências contabilizadas. Segundo a SSP-SP, o número de furtos caiu no último mês.

“A atuação das forças de segurança paulista contribui para a redução dos crimes de furtos em todo o estado. Só em maio, os furtos em geral, que incluem os de carga, tiveram um decréscimo de 8,4%, o que representa 4.233 mil crimes a menos em números absolutos. De acordo com os dados, em maio foram registradas 45.940 ocorrências”, ressaltou o órgão.

Número de armas apreendidas aumenta 20% no quinto mês do ano

As Polícias Civil e Militar apreenderam 1.096 armas de fogo ilegais no estado de São Paulo em maio. O número é 20,6% maior que as apreensões de revólveres feitas no mesmo período de 2023, quando foram 909.

A maioria das apreensões de armas ocorreu no interior do estado, com 630 registros. Na sequência vem a capital, com 296 recolhimentos. Já na Grande São Paulo foram 170 apreensões no quinto mês deste ano.

Em cinco meses, Região Oeste registra mais de 8 mil furtos
Na Grande São Paulo, foram 170 de armas apreensões no quinto mês deste ano (Arquivo/Agência Brasil)

Se contabilizado entre janeiro até maio, o número de armas de fogo recolhidas em todo o estado chega 5.854, sendo 1.196 a mais do que nos cinco primeiros meses de 2024, quando foram 4.658. Isso representa um aumento de 25,7%.

Em todo o estado, foram apreendidas em maio 14,9 toneladas de drogas. As polícias ainda recuperaram 4.705 veículos. No período, 17.283 infratores foram presos ou apreendidos pelas forças policiais no território paulista — mais de 7,2 mil em cumprimento de mandado.

Jornalismo regional de qualidade
Há mais de 16 anos, o GIRO noticia os acontecimentos mais importantes nos seguintes municípios: Araçariguama, Barueri, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Itapevi, Jandira, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Santana de Parnaíba, São Roque e Vargem Grande Paulista. Agora, junta-se a eles, as cidades de Jundiaí e São Paulo.

Siga o perfil do jornal no Instagram e acompanhe outros conteúdos.

Receba nossas notícias em seu e-mail