Logo Giro
Search
Close this search box.
giro

SP Por Todas: governo oferece linhas de crédito para mulheres

Logo Giro
Objetivo é incentivar o empreendedorismo feminino no estado de São Paulo (Divulgação/Governo de P)

Objetivo é dar visibilidade a serviços que permitam a independência financeira das mulheres. Créditos podem chegar a R$ 200 mil

Com a missão de fortalecer o empreendedorismo feminino, o governo do Estado de São Paulo oferece linhas de crédito especiais para mulheres. O Desenvolve SP garante crédito pré-aprovado de até R$ 200 mil para as que cumprem os requisitos necessários. Com a redução da Selic, a taxa básica de juros, de 11,25% para 10,75% ao ano, os valores das parcelas cobradas de quem buscou crédito também diminuem.

Outro atrativo das linhas voltadas ao empreendedorismo feminino é a possibilidade de as empresárias usarem, em capital de giro, até 30% do total solicitado para compra de equipamentos ou para reforma do comércio ou da empresa, por exemplo.

Como solicitar crédito no Desenvolve SP
Pré-requisitos – É preciso ter um CNPJ, mas não pode ser um Microempreendedor Individual (MEI) e o faturamento anual de sua empresa deve ser acima de R$ 81 mil e não ultrapassar R$ 300 milhões. A empresária deve ter pelo menos 1 ano de faturamento, que deve alcançar no mínimo de R$ 81 mil no ano anterior.

Documentos
De forma automática, sem precisar anexar os documentos, os analistas da Desenvolve consultam e verificam as certidões da empresa. Entre esses documentos estão:

– Certidão de Débitos Relativos a Créditos Tributários Federais e à Dívida Ativa da União negativa ou positiva (CND): Esse documento atesta a ausência de débitos ou pendências financeiras, previdenciárias ou tributárias.
– Certificado de Regularidade do FGTS (CRF): A certidão do FGTS também pode ser chamada de Certidão Negativa de Débitos da Previdência Social.
– Pendências no Cadin Estadual – O Cadastro de Inadimplentes do Estado de São Paulo reúne informações sobre empresas que possuem dívidas com órgãos públicos estaduais.

Direto no site e sem intermediários
Como o processo de pedido de crédito não necessita de um intermediário, o primeiro passo da empreendedora é acessar o site da agência: desenvolvesp.com.br. Além disso, não é necessário abrir uma conta bancária.

Capital de Giro ou Investimento?
Há duas finalidades de financiamento: capital de giro (que é um fôlego do caixa para o dia a dia dos negócios), e investimento (ampliação, modernização, aumento da capacidade produtiva, novas plantas, relocalização de empreendimentos). Após entender o que se encaixa melhor à sua necessidade, a empresária deve começar o processo de solicitação do empréstimo. Para mais detalhes de todo o processo de solicitação, acesse o link.

Feap Mulher Agro SP
Também é oferecida uma linha de crédito especial para agricultoras paulistas, com prazo de pagamento de até 84 meses, 2 anos de carência e taxas de juros de 2% ao ano.

Os recursos para o financiamento dos projetos são do Fundo de Expansão do Agronegócio Paulista (Feap) e totalizam R$ 10 milhões. O programa oferece opções de crédito para atividades agropecuárias, turismo rural e demais atividades do meio rural de interesse das agricultoras. As linhas estão disponíveis tanto para projetos individuais, com limite de R$ 25 mil, quanto para coletivos, que permitem alavancar até R$ 100 mil.

Para acessar o Feap Mulher Agro SP, a agricultora deve procurar a Casa da Agricultura mais próxima, onde um agrônomo ficará encarregado de elaborar um projeto que corresponda ao valor da linha de crédito.

São Paulo por Todas
São Paulo Por Todas é um movimento promovido pelo Governo do Estado de São Paulo para ampliar a visibilidade das políticas públicas do estado para mulheres, bem como a rede de proteção, acolhimento e autonomia profissional e financeira exclusivamente disponíveis para elas.

Essas frentes estão nos pilares da gestão e incluem novas soluções lançadas neste mês. Um dos destaques é o auxílio-aluguel no valor de R$ 500 para vítimas de violência doméstica. Houve ainda ampliação do monitoramento por tornozeleiras para agressores; o lançamento do aplicativo SP Mulher Segura que conecta a polícia de forma direta e ágil caso o agressor se aproxime; e a criação de novas salas da Delegacia da Defesa da Mulher 24 horas.

O Governo ampliou linhas de crédito para elas e concluiu a entrega das Casas da Mulher Paulista, onde há apoio psicológico e capacitação profissional. Também para formar equipes, implementou o protocolo Não Se Cale para acolhimento imediato em caso de importunação em bares, restaurantes, casas de show e similares, formando equipes em curso gratuito, online e rápido.

O último dia útil de março foi escolhido para o lançamento do Movimento justamente para simbolizar a perenidade destas ações muito além de março.

Jornalismo regional de qualidade
Há mais de 16 anos, o GIRO noticia os acontecimentos mais importantes nos 12 municípios que compõem o consórcio *Cioeste. Essas cidades estão localizadas na Região Metropolitana da Grande São Paulo e possuem uma população que ultrapassa os 2,5 milhões de habitantes.    

Siga o perfil do jornal no Instagram e acompanhe outros conteúdos.

*Cioeste: Araçariguama, Barueri, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Itapevi, Jandira, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Santana de Parnaíba, São Roque e Vargem Grande Paulista.

YouTube video


Receba nossas notícias em seu e-mail