Logo Giro

Notícias

Search
Close this search box.
giro

Osasco realiza primeira audiência para discutir orçamento de 2024

Logo Giro
Cidade de Osasco terá um orçamento de R$ 5 bilhões para 2024 (Divulgação/Secom Osasco)

Lei Orçamentária prevê receita de R$ 5 bilhões para Osasco em 2024. Secretário de Finanças anuncia desconto no IPTU para adimplentes

A Comissão de Economia e Finanças da Câmara Municipal de Osasco realizou, na noite desta quinta-feira (23), a primeira Audiência Pública para apresentação e discussão do projeto orçamentário municipal para 2024. O Projeto de Lei 123/2023 prevê receita de R$ 5 bilhões.

LEIA TAMBÉM: Osasco e região: últimos dias de novembro com calor e chuva

Com os trabalhos coordenados pela presidente da Comissão de Economia e Finanças da Câmara de Osasco, vereadora Elsa Oliveira (Podemos), e secretariado pelo vereador Julião (PSD), a audiência reuniu parlamentares e técnicos das secretarias municipais de Finanças e de Planejamento e Gestão.

Osasco realiza primeira audiência para discutir orçamento de 2024
Audiência foi organizada pela Comissão de Economia e Finanças da Câmara Municipal de Osasco (Ricardo Migiliorini/CMO)

Aumento da receita em Osasco

O secretário de Finanças, Bruno Mancini, declarou que, mesmo sem aumento de valores de impostos, a administração conseguiu aumentar os valores arrecadados, mesmo que, em 2023, o resultado tenha sido um pouco aquém do que foi planejado. “Nossa receita 2023 será menor do que o esperado, mesmo assim temos responsabilidade para conseguir executar as ações”, apontou.

“É muito difícil inovar a elaboração do orçamento, porque a lei que nos rege é muito antiga, mas nossa equipe conseguiu fazer inovações mesmo com dificuldades. O mais importante é conseguir traduzir em linguagem mais simples para que a população entenda e participe mais ativamente das decisões da cidade”, completou Mancini.

Osasco: desconto no IPTU 2024

Uma das novidades para 2024 diz respeito ao IPTU. Segundo Mancini, quem foi bom pagador no IPTU deste ano vai poder usufruir de desconto e não haverá aumento dos valores. “Esse é um benefício também para o bom pagador que não terá reajuste previsto anualmente e ainda irá usufruir de desconto”, contou Mancini.

Em relação às emendas impositivas, o secretário de Finanças declarou que a execução será estendida para 2024, apesar de estarem no planejamento de 2023. “Nosso projeto é conseguir executar as emendas dentro do ano fiscal, já em 2024, porque a execução efetiva das emendas neste ano ficará para o próximo ano”, disse.

Jornalismo regional de qualidade
Há mais de 16 anos, o GIRO noticia os acontecimentos mais importantes nos 12 municípios que compõem o consórcio *Cioeste. Essas cidades estão localizadas na Região Metropolitana da Grande São Paulo e possuem uma população que ultrapassa os 2,5 milhões de habitantes.    

Siga o perfil do jornal no Instagram e acompanhe outros conteúdos.

*Cioeste: Araçariguama, Barueri, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Itapevi, Jandira, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Santana de Parnaíba, São Roque e Vargem Grande Paulista.

Receba nossas notícias em seu e-mail

Cookie policy
We use our own and third party cookies to allow us to understand how the site is used and to support our marketing campaigns.

Headline

Never Miss A Story

Get our Weekly recap with the latest news, articles and resources.