Logo Giro
Search
Close this search box.
giro

Linhas 8 e 9: Comissão de Transporte da Alesp convoca ViaMobilidade a prestar esclarecimentos

Logo Giro
Representante da ViaMobilidade deve comparecer a reunião na Comissão de Transporte da Alesp (Divulgação/Alesp)

Deputados estaduais aprovaram requerimento que solicita o enviou de um representante da ViaMobilidade para esclarecer dúvidas sobre contratos e falhas nas Linhas 8 e 9

A Comissão de Transporte e Comunicações da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) aprovou, durante reunião nesta quarta-feira (14), um requerimento de convocação a representantes da ViaMobilidade, concessionária responsável por administrar as Linhas 8 – Diamante e 9 – Esmeralda, que cortam cinco dos 12 municípios que compõem um consórcio de cidades da região oeste da Grande SP.

LEIA TAMBÉM: Novo trem da ViaMobilidade entra em operação nas Linhas 8-Diamante e 9-Esmeralda

Segundo a justificativa do requerimento 1.035/2023, de autoria do deputado Donato (PT), o representante da concessionária deverá esclarecer à Comissão os termos do contrato firmado entre Governo do Estado e a empresa. Além disso, também deve ser questionada sobre a quantidade incidentes e transtornos causados aos usuários da duas linhas.

ViaMobilidade não atendeu aos outros convites da Alesp

Durante a reunião que resultou na aprovação do requerimento, os integrantes da Comissão lembraram que a empresa não atendeu aos chamados anteriores. Segundo os deputados, nas oportunidades anteriores havia sido feito um convite por meio de requerimentos, mas a ViaMobilidade não enviou nenhum representante para a Assembleia. No caso do item aprovado nesta semana, no entanto, o comparecimento é obrigatório, pois se trata de uma convocação.

MP investigou falhas da ViaMobilidade

Linhas 8 e 9: Comissão de Transporte da Alesp convoca ViaMobilidade a prestar esclarecimentos
Comissão quer saber os detalhes do contrato de concessão das Linhas 8 e 9 (Divulgação/ViaMobilidade)

O MP já investigou a sequência de falhas na operação desde que a concessionária ViaMobilidade assumiu linhas de trem. Nas vistorias, equipes identificaram vários problemas, entre eles, dormentes de madeira em estado avançado de degradação; falta de parafusos em trechos dos trilhos; trilhos desgastados; trilhos sem grampo de fixação; falta de poda da vegetação ao longo das vias.

Em relatório, o MP sugeriu a troca de trilhos e aparelhos de mudança de via desgastados ou danificados e conclui que a concessionária deve acelerar as ações de melhorias nas linhas, além de antecipar a proficiência dos funcionários e obter o auto de vistoria dos bombeiros.

Receba nossas notícias em seu e-mail