Logo Giro
Search
Close this search box.
giro

Covid-19: Cotia inicia aplicação de reforço com vacina Bivalente em idosos

Logo Giro
Doses da vacina estão disponíveis em todas as UBSs de Cotia (Vagner Santos/Secom Cotia)

Imunizante está disponível em todas as UBSs de Cotia para imunocomprometidos e idosos. Veja os detalhes para receber a nova dose

A Secretaria de Saúde de Cotia começou a aplicar o reforço da vacina contra a covid-19 com a dose Bivalente em idosos a partir de 60 anos e em pessoas imunocomprometidos* com 12 anos ou mais. A imunização é autorizada para pacientes que tenham o intervalo de seis meses da última dose da Bivalente. O imunizante está disponível em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) do município e segue a recomendação do Ministério da Saúde para prevenção e controle da doença.

LEIA TAMBÉM: Polícia desarticula venda de drogas em Cotia, Cajamar e Parnaíba

Para receber a vacina de reforço basta comparecer à UBS mais próxima com documento oficial de identificação com foto e comprovante da última dose (físico ou digital). A vacina disponível é a Pfizer Bivalente, que tem eficácia comprovada contra as novas subvariantes do vírus.

Cotia em alerta para evitar novos casos de covid-19

Por meio de uma Nota Técnica, o Ministério da Saúde informou que foi detectado um surto de covid-19 no estado do Ceará, entre os dias 1º e 30 de novembro de 2023, causado pela sublinhagem JN.1 (variante do ômicron), com mais de dois mil casos. Diante deste cenário, o Secretário da Saúde de Cotia, Magno Sauter, alertou sobre a importância da vacinação de reforço para os grupos prioritários.

“Indicadores em outros estados e países são termômetros para o que pode acontecer em um cenário maior. Portanto, a vacinação de reforço deve ser tomada pelo público liberado para receber esta segunda dose bivalente. A vacina é a melhor e mais eficiente forma de prevenção contra esta doença e já está disponível nas UBSs”, disse o secretário.

Segundo as orientações do Ministério da Saúde, são consideradas pessoas imunocomprometidos pessoas com Imunodeficiência primária grave; Tratamento de quimioterapia para câncer; Transplantados de órgãos sólidos ou de células-tronco hematopiéticas (TCTH) em uso de drogas imunossupressoras; pessoas vivendo com HIV / AIDS; Uso de corticóides em doses de 20 mg/dia ou mais de prednisona, ou equivalente, por 14 dias ou mais; uso de drogas modificadoras para o sistema imune; auto inflamatórias, doenças intestinais inflamatórias; pacientes em hemodiálise; pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas.

  • Os imunocomprometidos são pessoas cujo sistema imune não funciona como deveria. Eles são considerados grupos de risco porque têm maior probabilidade de desenvolver formas graves da Covid-19, sendo prioridade na vacinação.

Jornalismo regional de qualidade
Há mais de 16 anos, o GIRO noticia os acontecimentos mais importantes nos 12 municípios que compõem o consórcio *Cioeste. Essas cidades estão localizadas na Região Metropolitana da Grande São Paulo e possuem uma população que ultrapassa os 2,5 milhões de habitantes.    

Siga o perfil do jornal no Instagram e acompanhe outros conteúdos.

*Cioeste: Araçariguama, Barueri, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Itapevi, Jandira, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Santana de Parnaíba, São Roque e Vargem Grande Paulista.

Acompanhe o GiroCast

YouTube video

Receba nossas notícias em seu e-mail