Logo Giro
Search
Close this search box.
giro

Sem iFood: motoboys prometem greve a partir de hoje (29)

Logo Giro
greve ifood osasco
Motoristas de aplicativo terão direito a contribuição com INSS (Divulgação/iFood)

Sindimoto-SP realizará almoço solidário em forma de protesto às 12h30, em frente à sede do iFood em Osasco, na avenida dos Autonomistas

Na busca por melhores condições de trabalho e salários, motoboys e entregadores de delivery, de empresas como iFood, realizarão uma greve nacional no serviço de entrega. O movimento iniciará nesta sexta-feira (29) e poderá se estender até domingo, 1º de outubro.

Inicialmente, a paralisação estava marcada para o dia 18 de setembro. Porém, a greve foi adiada devido à continuação das negociações entre empresas e trabalhadores. Os diálogos foram realizados por meio de um grupo de trabalho e contaram com a mediação do governo federal, por meio do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

De acordo com o Sindicato dos Motoboys de São Paulo (Sindimoto-SP), a categoria reivindica o pagamento de uma remuneração de R$ 35,76 por hora trabalhada para motociclistas e de R$ 29,63 por hora logada para ciclistas.

Leia Mais: Vereadora busca recursos para saúde de Itapevi na Alesp

“O evento serve para mostrar a indignação da categoria em relação ao desprezo das empresas de aplicativos pelos entregadores ao oferecerem propostas que não contemplam os valores reivindicados pelos representantes dos trabalhadores, de R$ 35,76 para motociclistas e R$ 29,60 por hora logada, mais hora online (tempo de espera) e questões mínimas de saúde e segurança para os entregadores”, afirmou a associação em nota.

Ainda segundo a organização, o modelo atual é injusto, pois os entregadores recebem apenas pelas entregas. A partir do momento em que o aplicativo é ligado, o profissional fica à disposição para as entregas.

Ato na sede do iFood em Osasco

categoria reivindica o pagamento de remuneração de R$ 35,76 pela hora trabalhada (Divulgação/iFood)
Categoria reivindica o pagamento de remuneração de R$ 35,76 pela hora trabalhada (Divulgação/iFood)

Nesta sexta-feira (29), o Sindimoto-SP realizará um almoço solidário em forma de protesto, às 12h30, em frente à sede do iFood em Osasco, na avenida dos Autonomistas, 1.496, Vila Yara.

A concentração começará às 10h no antigo endereço do Sindimoto-SP, na rua Doutor Eurico Rangel, 58, Brooklin Novo, travessa da avenida Bandeirantes com a avenida Vereador José Diniz, na zona sul da capital paulista. A partir desse local, os manifestantes seguirão até Osasco.

Leia Mais: Osasco sanciona lei que permite pagamento de impostos via Pix

“Os trabalhadores estão cansados desta exploração, não vendo outra alternativa para reverter essa situação que não seja as manifestações, já que as empresas não querem dar os reajustes ou resolver a precarização dos trabalhadores, enquanto ficam bilionárias e enganam a população com mentiras e práticas antissindicais”, ressalta o órgão.

O iFood não havia se manifestado até o fechamento da reportagem.

Jornalismo regional de qualidade
Há mais de 15 anos, o GIRO noticia os acontecimentos mais importantes nos 12 municípios que compõem o consórcio *Cioeste. Essas cidades estão localizadas na Região Metropolitana da Grande São Paulo e possuem uma população que ultrapassa os 2,5 milhões de habitantes. 

Siga o perfil do jornal no Instagram e acompanhe outros conteúdos.

Cioeste: Araçariguama, Barueri, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Itapevi, Jandira, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Santana de Parnaíba, São Roque e Vargem Grande Paulista.

Receba nossas notícias em seu e-mail