Logo Giro
Search
Close this search box.
giro

CPTM, EMTU e Metrô tem transporte gratuito para desempregados

Logo Giro
No sistema ferroviário, em 2023, mais de 24 mil cidadãos foram beneficiados pelo projeto de transporte gratuito (Divulgação/Governo do Estado de SP)

Transporte gratuito vale para as empresas ligadas ao Governo do Estado de São Paulo; saiba como solicitar o benefício

Visando auxiliar os cidadãos na busca de novas oportunidades de emprego, o Governo do Estado de São Paulo anunciou nesta segunda-feira (26), que disponibilizará transporte gratuito, por meio da emissão de Credencial para Trabalhadores Desempregados. A medida vale para as empresas vinculadas à Secretaria dos Transportes Metropolitanos (STM). São elas a Companhia Paulista de Transportes Metropolitanos (CPTM), Empresa Metropolitano de Transportes Urbanos (EMTU) e Metrô.

No sistema ferroviário, em 2023, 24.446 cidadãos foram beneficiados pelo projeto. Segundo o governo estadual, houve um aumento de 9% na comparação ao ano anterior, quando foram emitidas 22.376 credenciais.

+SIGA os canais de notícias do Giro no WhatsappTelegram e Linkedin.

Enquanto a EMTU emitiu 142 Credenciais para Desempregados no ano passado. Já em 2022, foram emitidas 159 carteiras.

Os bilhetes especiais do desempregado que estão em posse dos passageiros poderão ser usados até perderem a validade.

Como solicitar o benefício junto a CPTM e Metrô

CPTM, EMTU e Metrô tem transporte gratuito para desempregados
O documento pode ser emitido na Palmeiras-Barra Funda da CPTM (Divulgação/Governo de SP)

Para aqueles que estão sem trabalhar há mais de 30 dias podem requisitar a credencial, que oferece acesso integrado gratuito à CPTM e ao Metrô. As credenciais são válidas por 90 dias, não são renováveis e são distribuídas aos trabalhadores demitidos há, no mínimo, 30 dias ou, no máximo, 180 dias.

O documento pode ser emitido na Palmeiras-Barra Funda da CPTM, de segunda a sexta-feira (exceto feriados), das 8h às 16h. O cidadão deve apresentar RG (ou outro documento oficial com foto), CPF, carteira de trabalho, física ou digital, constando a baixa no último emprego, além do documento de rescisão do último contrato de trabalho.

Quando foram utilizar o serviço, em uma das estações dos transportes sobre trilho paulista, os passageiros deverão apresentar a credencial com a carteira de trabalho, nas catracas para os funcionários.

Como solicitar o benefício de transporte gratuito

No caso da EMTU, aqueles que residem ou trabalharam, cujo registro foi no último registro na região do ABC paulista tem direito ao benefício.

Na região de São Mateus e Jabaquara, na capital, e no município de Mauá, no ABC paulista, vale apenas para quem reside nas proximidades do Corredor Metropolitano ABD. Contudo, o solicitante deve estar há mais de dois meses e há menos de 6 meses desempregado (de 60 a 180 dias).

A carteira tem validade de 28 dias corridos e deve ser solicitada pelo telefone: 4341-1175, de segunda a sexta, das 8h às 11h e das 13h às 16h.

CPTM, EMTU e Metrô tem transporte gratuito para desempregados
Na EMTU, benefício vale para a região do ABC Paulista (Divulgação/Governo do Estado de SP)

Posteriormente, serão necessários os seguintes documentos: carteira profissional física e original (se o último registro constar na carteira online digital, é necessário apresentar o contrato de trabalho impresso com data de admissão e demissão juntamente com a carteira física); comprovante de residência em nome do solicitante (original e atual); carteira de identidade ou CNH (original), e a rescisão de contrato com a homologação/quitação (original assinado e carimbado).

Mais informações sobre o transporte gratuito

Para mais informações, o passageiro pode ligar no 0800 055 0121 ou acessar os sites www.cptm.sp.gov.br, www.metro.sp.gov.br ou www.emtu.sp.gov.br.

Jornalismo regional de qualidade
Há mais de 16 anos, o GIRO noticia os acontecimentos mais importantes nos 12 municípios que compõem o consórcio *Cioeste. Essas cidades estão localizadas na Região Oeste Metropolitana de São Paulo e possuem uma população que ultrapassa os 2,5 milhões de habitantes.    

Siga o perfil do jornal no Instagram e acompanhe outros conteúdos.

*Cioeste: Araçariguama, Barueri, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Itapevi, Jandira, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Santana de Parnaíba, São Roque e Vargem Grande Paulista.

Acompanhe o GiroPlay

Receba nossas notícias em seu e-mail

Cookie policy
We use our own and third party cookies to allow us to understand how the site is used and to support our marketing campaigns.

Headline

Never Miss A Story

Get our Weekly recap with the latest news, articles and resources.