Logo Giro
Search
Close this search box.
giro

Concurso Público: Governo de SP lança edital para contratar 2,7 mil soldados para a PM

Logo Giro
A formação dos novos agentes, que irão trabalhar no policiamento ostensivo, será realizada na Escola Superior de Soldados “Coronel PM Eduardo Assumpção" (Divulgação/SSP-SP)

O despacho do governador Rodrigo Garcia (PSDB) autorizando a realização do concurso foi publicado no Diário Oficial do Estado. As inscrições poderão ser feitas até 20 de dezembro; veja os detalhes

O Governo do Estado de São Paulo lançou nesta sexta-feira (4), no Diário Oficial do Estado, o edital para selecionar 2.700 novos soldados para atuar nas unidades da Polícia Militar (PM). A formação dos novos agentes, que irão trabalhar no policiamento ostensivo, será realizada na Escola Superior de Soldados “Coronel PM Eduardo Assumpção” e tem duração média de um ano. 

Os interessados devem realizar as inscrições no site da Fundação Vunesp até às 23h59 do dia 20 de dezembro deste ano. Já o valor da taxa de inscrição é de R$ 57, que pode ser paga até o 21 de dezembro de 2022. O despacho do governador Rodrigo Garcia (PSDB), autorizando a realização do concurso foi publicado no Diário Oficial em 15 de junho deste ano.

Entre os principais requisitos para concorrer a uma vaga estão: ter concluído o Ensino Médio ou equivalente, ser brasileiro e ter entre 17 e 30 anos. É necessário estar em dia com suas obrigações eleitorais e militares, e ser habilitado para condução de veículo motorizado entre as categorias “B” e “E”. Tatuagens são permitidas, desde que não faça alusão à discriminação, violência ou seja ofensiva à PM ou aos direitos humanos.

Para as mulheres interessadas, é preciso ter altura mínima de 1,55 metro, enquanto para homens, de 1,60 m. Para tomar posse, os candidatos deverão ter sido aprovados em todas as etapas do concurso público.

De acordo com o governo estadual, a remuneração inicial para o cargo de Soldado PM 2º de classe é de R$ 3.875,27, incluindo o salário-base, o Regime Especial de Trabalho Policial (RETP) e o valor de insalubridade.

“São atribuições do cargo o policiamento ostensivo e a preservação da ordem pública, envolvendo a repressão imediata às infrações penais e administrativas e a aplicação da lei, nas diversas modalidades de policiamento, sempre primando pela defesa da vida, da integridade física e da dignidade da pessoa humana, em conformidade com os princípios doutrinários de polícia comunitária, direitos humanos e de gestão pela qualidade”, afirmou o governo estadual paulista.

Policiais em formação e outros concursos em andamento
Atualmente, no estado de São Paulo, há 1.478 policiais militares em formação, sendo 477 alunos oficiais e 1.001 soldados PM de 2° classe.

Além disso, há 5.700 soldados e 220 alunos oficiais que já estão sendo selecionados por outros três concursos em andamento, com as primeiras nomeações previstas a partir de dezembro deste ano. No ano que vem, ainda segundo o governo estadual, a Polícia Militar também pretende selecionar 11 alunos oficiais para o quadro de músicos da corporação.

Receba nossas notícias em seu e-mail