Logo Giro
Search
Close this search box.
giro

No 1º trimestre, Osasco e região registraram 125 casos de estupro de vulnerável

estupro de vulneravel - policia civil do paraná
Cidades mantém campanha Maio Laranja para combater o delito (Divulgação/Polícia Civil do Paraná)

Comparado ao mesmo período do ano anterior, que registrou 147 crimes, houve redução de 15% na quantidade de estupro de vulnerável; confira

O mês de maio ascende o alerta para uma importante causa: o combate à exploração sexual infanto-juvenil. Por meio de levantamento feito pelo GIRO, 12 cidades da Região Oeste da São Paulo – Araçariguama, Barueri, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Itapevi, Jandira, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Santana de Parnaíba, São Roque e Vargem Grande Paulista -, registraram 125 casos de estupro de vulnerável, neste primeiro trimestre de 2024.

A pesquisa foi elaborada com base em dados disponibilizados pela Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP). Comparado ao período homólogo, que registrou 147 crimes, houve uma redução de 15% na quantidade de delitos.

Entre os casos mais recentes, ainda não computados nas estatísticas, a Polícia Civil prendeu, no último sábado (18), um homem, de 40 anos, acusado de abusar sexualmente a filha de três anos em Osasco. A ação foi desencadeada após a mãe da criança denunciar o companheiro na delegacia e levar o celular dele com gravações de vídeo contendo as violações.

Leia Mais: VGP: Polícia Civil prende pastor suspeito de vários estupros

Os trabalhos policiais foram realizados por integrantes do Departamento de Polícia Judiciária da Macro São Paulo (Demacro), por meio do 5º Distrito Policial de Osasco. Durante a diligência, os agentes cumpriram um mandado de prisão preventiva e detiveram o indivíduo, que ficou à disposição do Poder Judiciário.

No último dia 16 de maio, a Polícia Civil de Vargem Grande Paulista prendeu um pastor de 63 anos suspeito de crimes de estupro de vulnerável contra diversas vítimas. A prisão aconteceu na própria casa do pastor. Ele é suspeito de estuprar menores, incluindo três sobrinhas.

Segundo a Polícia, os crimes aconteceram em várias oportunidades e todas as vítimas eram menores de 14 anos. Os abusos teriam ocorrido quando não haviam adultos por perto, no sítio ou na casa do pastor. Ao ser preso, ele disse que era inocente.

Maio Laranja: ações de combate ao estupro de vulnerável

No 1º trimestre, Osasco e região registraram 125 casos de estupro de vulnerável
Campanha morte trágica de Araceli Crespo (Divulgação/Polícia Civil de DF)

A Lei 9.970/2000 institui o dia 18 de maio como o “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”. A data simboliza a morte trágica de Araceli Crespo (1964-1973), que quando tinha oito anos, em 18 de maio, foi sequestrada, drogada, violentada sexualmente e assassinada, em Vitória, no estado do Espírito Santo, durante o período da Ditatura Militar.

“Uma data para refletirmos e unirmos forças na proteção dos nossos pequenos. É preciso estar atento, denunciar qualquer forma de violência e promover um ambiente seguro e acolhedor para que cresçam livres de qualquer forma de abuso. Juntos, vamos criar uma sociedade mais justa e protetora para as nossas crianças e adolescentes”, explica a Prefeitura de Barueri.

Leia Mais: Osasco: homem é preso por abusar da filha, de apenas 3 anos

A cor é inspirada na flor laranja da gérbera, muito conhecida no Brasil, simboliza a vulnerabilidade e fragilidade da criança. Em Osasco, as denúncias podem ser feitas por meio dos números de telefone 156 e 100.

A denúncia sobre casos de violência contra crianças e adolescentes pode ser feita pelo Disque 100 ou Conselho Tutelar. Barueri conta com dois: o Conselho 1, que fica na Rua Abel, 185 – Jardim São Pedro – Telefone: (11) 3164-9572 – Telefone do plantão: (11) 96409-4206 e e-mail: conselhotutelar1@barueri.sp.gov.br; o Conselho Tutelar 2 fica na Rua Elvira Lefèvre Salles Nemer, 178 – Jardim São Pedro – Telefones: (11) 3164-9553 – Telefone do plantão: (11) 99642-7183 e e-mail: conselhotutelar@barueri.sp.gov.br.

Jornalismo regional de qualidade
Há mais de 16 anos, o GIRO noticia os acontecimentos mais importantes nos 12 municípios que compõem o consórcio *Cioeste. Essas cidades estão localizadas na Região Metropolitana da Grande São Paulo e possuem uma população que ultrapassa os 2,5 milhões de habitantes.    

Siga o perfil do jornal no Instagram e acompanhe outros conteúdos.

*Cioeste: Araçariguama, Barueri, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Itapevi, Jandira, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Santana de Parnaíba, São Roque e Vargem Grande Paulista.

YouTube video

Receba nossas notícias em seu e-mail