Logo Giro
Search
Close this search box.
giro

Itapevi: mulher de 21 anos é estuprada e agredida em casamento; suspeitos são presos

Logo Giro
O acusado dos crimes foi levado à DDM de Cotia, onde passou pelos trâmites da polícia judiciária (Pedro Godoy/Prefeitura de Itapevi)

Segundo o boletim de ocorrência, após passar mal, a vítima repousava em um cômodo reservado no evento. Os dois homens acusados de cometer o crime foram detidos por determinação da Justiça

Uma mulher de 21 anos, que terá a identidade preservada, foi estuprada por dois homens durante festa de casamento realizada na cidade de Itapevi no último dia 11 de março. Segundo o boletim de ocorrência, a vítima havia sido convidada e, após ingerir bebida alcoólica, se sentiu indisposta. Em virtude de sua condição, ela optou por ficar em um quarto reservado para repousar. Foi neste momento que o crime teria ocorrido.

Em depoimento, a jovem revelou que ainda estava consciente quando dois homens, que seriam parentes da noiva, cujas identidades não foram reveladas, se aproveitaram de sua condição para violentá-la sexualmente.

O namorado da vítima, ao tomar conhecimento dos fatos, foi até o local e a encontrou no quarto trancado. Ele derrubou a porta e flagrou o momento que a jovem estava sendo abusada sexualmente. Ao perceber a confusão, a mãe do noivo foi até o quarto e agrediu a vítima do estupro.

A jovem prestou depoimento no dia 13 de março, na Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Itapevi. O caso foi registrado como estupro de vulnerável. Os agentes da unidade policial solicitaram ao Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP), a prisão preventiva dos suspeitos.

Os acusados foram capturados após emissão dos mandados de prisão. Os homens foram levados à delegacia e passaram pelos trâmites da polícia judiciária. Na sequência, foram encaminhados para uma cadeia pública da região e permaneceram à disposição do Poder Judiciário.

Receba nossas notícias em seu e-mail