Logo Giro
Search
Close this search box.
giro

Vôlei: Osasco vence Barueri em casa por 3 sets a 0

Logo Giro
Equipe celebra mais uma conquista (TKSSport / @Carol__Fotografia / Divulgação)

Com a vitória, time osasquense está classificado para a sua 25ª final de Campeonato Paulista Feminino de Vôlei. Acompanhe os melhores momentos

Em mais uma noite emocionante no Ginásio José Liberatti, em Osasco, a equipe do Osasco São Cristóvão Saúde conquistou uma vitória convincente sobre o Barueri e avançou para a sua 25ª final de Campeonato Paulista Feminino de Vôlei.

Com o apoio fervoroso de sua torcida, que lotou o ginásio, a equipe do técnico Luizomar brilhou na noite de quinta-feira (28), vencendo o adversário por 3 sets a 0, com parciais de 25/14, 27/25 e 25/20, em uma partida que durou 1 hora e 26 minutos.

O Osasco agora aguarda o resultado do duelo entre Sesi Bauru e Pinheiros, que acontecerá nesta sexta-feira (29), para conhecer o seu adversário na grande final, em busca do 17° título estadual. O primeiro jogo da decisão está marcado para segunda-feira, 1º de outubro.

Vôlei: Osasco vence Barueri em casa por 3 sets a 0
Ginásio José Liberatti ficou lotado (@TKSSport / @Carol__Fotografia / Divulgação)

Ex-Osasco, Walewska foi homenageada

A equipe estrelada, liderada por jogadoras como Camila Brait, Fabiana, Tifanny e companhia, repetiu o resultado do primeiro jogo das semifinais, realizado na semana passada, quando também derrotaram o Barueri por 3 sets a 0. Com isso, o Osasco fechou o playoff com um placar de 2 a 0 e manteve sua invencibilidade na edição de 2023 do Campeonato Paulista.

Antes do início da partida, houve um momento de comoção e homenagem no Ginásio José Liberatti, quando as equipes e suas respectivas torcidas prestaram homenagens a Walewska. A ex-campeã olímpica morreu na última semana. A imagem de Walewska, que vestiu a camisa osasquense por uma temporada, foi exibida nos telões, e as arquibancadas se encheram de aplausos e gritos de “Walewska, Walewska…”

“Vamos lutar por mais um título”
O técnico Luizomar, após a emocionante vitória, falou sobre o comprometimento da equipe e já projetou o desafio da final.

“O comprometimento da equipe foi importante. É sempre difícil chegar à disputa de um título, e nesse caso, em particular, a tabela fez com que tivéssemos quase três jogos seguidos, incluindo a última rodada da fase de classificação e as duas partidas das semifinais. Estudamos muito nas últimas semanas e conseguimos a classificação com méritos. E não podemos desligar, porque ficou tudo muito perto. O primeiro jogo da final é fora, e se for em Bauru, já viajaremos no domingo. Amanhã (sexta-feira) já iniciamos os estudos e, assim que definirmos o adversário, vamos preparar a melhor estratégia e lutar por mais um título”, comentou o treinador.

(Fotos: @TKSSport / @Carol__Fotografia / Divulgação)

Barueri avançou no 2º set
No primeiro set, apesar dos erros iniciais de saque, o Osasco comandou as ações desde o início. Lorenne foi destaque ao enfiar a mão na saída de rede após uma defesa de Camila Brait, marcando 12/7. A oposta voltou a pontuar no 15/9, desta vez utilizando a técnica no lugar da força.

Em uma jogada que lembrou o vôlei de praia, Lorenne mandou a bola no fundo da quadra, sem chance para as adversárias. Tifanny também brilhou com um ataque preciso na entrada de rede no 19/11, e Callie montou um verdadeiro paredão no 21/12. A vitória do primeiro set veio das mãos de Lorenne, com o placar de 25/14.

LEIA TAMBÉM: Cinemas de Barueri e Osasco terão ingressos a R$ 12

O segundo set foi uma história completamente diferente. O Osasco teve que superar desafios, e o técnico Luizomar teve que tomar decisões estratégicas. Ele pediu tempo quando sua equipe estava atrás no placar, em desvantagem de 4/7 e 7/13.

Além disso, Luizomar fez mudanças no elenco, com a entrada de Amanda no 8/14 e a levantadora Giovana no 12/18. As mudanças surtiram efeito, e a equipe se recuperou gradualmente. Giovana fez uma bela jogada de segunda no 16/19, enquanto Lorenne marcou três pontos consecutivos, com destaque para o último ponto no 22/23, após duas defesas incríveis de Silvana, que entrou para sacar.

(Fotos: @TKSSport / @Carol__Fotografia / Divulgação)

O final do set foi emocionante, com Fabiana empatando em 23/23, Lorenne em 24/24, Fabiana novamente em 25/25, e Tifanny virando o jogo no 26/25 e fechando em 27/25, para a alegria da torcida no Ginásio José Liberatti.

O terceiro set também foi equilibrado até a reta final. Maira atacou para empatar em 16/16, e Fabiana, com sua bola de china característica, fez 18/16. O Osasco, com um jogo mais consistente, conseguiu abrir uma vantagem decisiva nos momentos finais.

A jogadora mais decisiva em quadra no final da partida foi Tifanny, que marcou nos pontos 20/17, 21/17, 22/17 (após uma defesa de Maira) e cravou a bola na quadra adversária no ponto do jogo no 24/20. A vitória veio com um erro das adversárias, consolidando a vitória por 3 sets a 0.

Vôlei: Osasco vence Barueri em casa por 3 sets a 0
Técnico Luizomar (Fotos: @TKSSport / @Carol__Fotografia / Divulgação)

Escalações e pontuações
Jogaram e marcaram para Osasco São Cristóvão Saúde: Kenya, Lorenne (13), Maira (5), Tifanny (15), Callie (6), Fabiana (5) e a líbero Camila Brait. Técnico: Luizomar de Moura. Entraram: Giovana (1), Amanda, Silvana.

Jogaram e marcaram para Barueri: Carol Leite (2), Jhovana (8), Ana Cecília, Talia (13), Luzia (7), Larissa (9) e a líbero Paulina. Técnico: Alexandre Gomes. Entraram: Maria Clara, Paulina, Vittoria, Ana Rudiger.

Jornalismo regional de qualidade
Há mais de 15 anos, o GIRO noticia os acontecimentos mais importantes nos 12 municípios que compõem o consórcio *Cioeste. Essas cidades estão localizadas na Região Metropolitana da Grande São Paulo e possuem uma população que ultrapassa os 2,5 milhões de habitantes.    

Siga o perfil do jornal no Instagram e acompanhe outros conteúdos.

*Cioeste: Araçariguama, Barueri, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Itapevi, Jandira, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Santana de Parnaíba, São Roque e Vargem Grande Paulista.

Receba nossas notícias em seu e-mail