Destaque 

Troca de secretário expõe racha no PSDB de Osasco

Foto: Divulgação

A fissura no PSDB de Osasco ficou mais evidente após a troca de secretários na gestão do prefeito Rogério Lins (Pode), quetirou José Carlos Vido (PSDB) da Saúde e o nomeou como chefe de gabinete. Vido garante que o partido não será oposição, porém, o presidente da Câmara, Dr. Lindoso (PSDB) afirma que não pertence nem à base ou oposição. "Sigo independente, só votarei em projetos bons", disse.

Sobre as mudanças no secretariado de Lins, o tucano é categórico. "Não indiquei o Vido, os vereadores não foram consultados", fala, dizendo que não vê mudanças na cidade. "É um governo morno. Qual é a marca? O que teve de relevante?",pontua.

Sobre o racha no partido, Lindoso diz que não conversou com o presidente da legenda, vereador De Paula. "Tivemos problemas de agenda, mas vou falar com ele", finaliza.

O vereador De Paula foi procurado, mas não quis comentar o assunto.