Destaque 

Sombra de João Doria ronda Geraldo Alckmin

Foto: Divulgação/PMSP

Lideranças tucanas e aliados defendem que Geraldo Alckmin (PSDB) desista da pré-candidatura à presidência e se candidate a uma vaga ao Senado. As especulações aumentam conforme o baixo desempenho de Alckmin nas pesquisas e sondagens da legenda. Com isso crescem as chances do ex-prefeito da capital João Doria sair candidato à presidência tendo como vice Henrique Meirelles (MDB).

Nos próximos dias, tucanos deverão ter muitas reuniões entre lideranças e parceiros ao pé do ouvido. Caso abra mão da candidatura ao Planalto e Doria seja alçado, o namoro entre PSB e PSDB pode reviver novamente com apoio a França.

O coordenador da pré-campanha de Alckmin, o ex-governador Marconi Perillo, confirma o paulista como pré-candidato.

Veja também: