Destaque 

Santana de Parnaíba está entre as 30 cidades menos violentas

Santana de Parnaíba está entre as 30 cidades menos violentas

De acordo com o Atlas da Violência 2017, divulgado na segunda-feira (5), pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), Santana de Parnaíba está entre as 30 cidades, com mais de 100 mil habitantes, mais pacíficas do país. O ano de referência foi 2015, quando foi analisada a soma das taxas de homicídio e de Mortes Violentas com Causa Indeterminada (MVCI). O município registrou índice 11,1, ocupando o 28º do ranking, quando foram anotados oito assassinatos. No país, foram 59.080 casos.


Na região, no ranking geral, também em relação entre as menos violentas, segundo o critério mencionado acima, no mesmo ano, aparece Barueri (21) (88º lugar), seguida de Carapicuíba (21,2) (90ª na lista), Cotia (21,8) (98ª posição), Osasco (24,8) (116º lugar) e Itapevi, com taxa 26,9 (124ª colocação).


O Atlas também analisou a violência policial. Em 2015, foram registra das 3.320 mortes decorrentes de intervenções policiais no Brasil. Na Grande São Paulo, incluindo as cidades da região, de acordo com a Secretaria da Segurança Pública, 182 foram assassinadas por policiais, sendo 166 envolvendo militares e 16 civis.


Inquéritos

Um recente levantamento do Instituto Sou da Paz mostra que, a cada 100 boletins de ocorrência abertos para registrar crimes violentos no estado de São Paulo, apenas 14 evoluem para a fase de inquérito. Neste ano, de janeiro a abril, foram instaurados 3.961 inquéritos policiais na região, sendo 707 casos em Barueri, Cotia (463), Itapevi (403), Osasco (2.120) e Santana de Parnaíba (268).