Rogério Franco quer zerar filas de exames e creches

Franco comenta sobre suas ações e projetos futuros para a cidade - Foto: Edivaldo Santana/GIRO S/A

Na próxima terça-feira, 2, Cotia completa 163 anos. Para falar sobre os investimentos e metas para os próximos anos, o prefeito Rogério Franco (PSD) recebeu o Giro S/A e antecipou o lançamento de um pacote com 163 obras e ações que serão entregues à população até o aniversário da cidade em 2020.

Quais são as principais obras que serão entregues no aniversário da cidade?

Lançaremos um pacote com 163 obras e ações que serão entregues até abril de 2020, entre elas, a entrega da duplicação da Estrada de Caucaia. A obra será concluída em fevereiro do ano que vem. Além disso, também háobras na estrada dos Pereiras, que estão em fase de acabamento. Também iniciamos revitalização da Avenida São Camilo, Rua Roma e Avenida Zurique, na região da Granja Viana.

E como está a área de educação?

Conseguimos entregar os uniformes antes do começo das aulas, apesar do processo, da oposição questionando o logotipo. Nos próximos dias entregaremos todos kits escolares. Ainda este ano vamos lançar três creches em período integral com capacidade para 800 crianças. Dentro do pacote de 163 obras, vamos lançar a reforma e ampliação de outras 45 escolas. No ano passado, reformamos 35 unidades e, com isso, chegamos a atingir 95% delas. Nossa meta é encerrar o mandato sem fila de creches, hoje, são aproximadamente 2.300 crianças na fila.

Cotia sofreu alguns casos graves de violência. Como forma de combate houve investimentos em totens com câmeras. Qual o reflexo dessa e outras ações?

Em média, tivemos uma redução de 50% nos índices criminais. Um exemplo é a Granja Viana, onde reduzimos os números de casos de roubo. Fizemos a aquisição de 54 novas viaturas modernas e bem equipadas. Implantamos 30 totens blindados que monitoram a cidade 24 horas com sistema de interfone. Cotia faz divisa com 11 municípios e temos 9 rotas de fuga, então, sempre buscamos novas ações. Também estamos valorizando os profissionais. Vamos entregar os novos uniformes e 12 armas de cano longo, e também demos um aumento de 10% para a categoria. Além disso, abrimos concurso. O objetivo é chegar a 600 agentes.

E quais as metas para a saúde?

Conseguimos avançar bastante na saúde, uma mostra disso é que 30% dos atendimentos em nossas Unidades de Pronto Atendimento são de pessoas de cidades vizinhas. Agora, vamos lançar o programa Anjos da Guarda, no qual agentes terão um treinamento especializado. Serão cinco pontos: Caucaia, Granja Viana, Mirizola, Centro e Atalaia, onde foram construídas bases que terão uma ambulância e uma viatura da GCM. Hoje, temos três Prontos Socorros e 25 UBS e a meta é construir um Hospital Infantil, no Centro, que será entregue até o começo do ano que vem. Outra meta é acabar com as filas de exames e consultas.

Como solucionar o caos no trânsito, principalmente, na Rodovia Raposo Tavares?

A Rodovia Raposo Tavares tem sido um fantasma para quem mora na região. Acredito muito na proposta do governador João Doria e vejo que esse modelo de parceria público-privada dá certo. Doria garantiu que no próximo pacote de concessão incluirá a Raposo Tavares. No transporte, estamos legalizando 80 vans que vão atuar em bairros menores. Agora, um dos projetos é a integração do transporte público tendo em vista que temos 323 quilômetros quadrados de extensão e algumas linhas chegam a percorrer 20 quilômetros. Por isso, lutamos pela integração dentro das próprias linhas.

Qual objetivo da reabertura da subprefeitura da Granja?

A princípio, nós focamos os trabalhos na secretaria de Obras, mas sentimos a necessidade da descentralização de alguns serviços. Nós já tínhamos a regional de Caucaia do Alto e, agora, resolvemos recriar a subprefeitura da Granja, que além de alguns serviços administrativos, também terá todas as equipes de limpeza, tapa buraco, manutenção, ou seja, queremos manter a zeladoria do bairro para atender melhor à demanda dos problemas daquela região.

Veja também: