Sidebar Menu

Para respeitar quarentena, Câmara de Barueri suspende atividades por 15 dias

​O órgão também determinou a criação de um comitê interno de monitoramento da situação

Foto: Arquivo Giro S/A

A Câmara de Barueri estará fechada por 15 dias. Com isso, as sessões previstas para os dias 24 e 31 de março estão suspensas temporariamente. A medida foi anunciada pela Mesa Diretora da Casa, atendendo ao decreto estadual publicado pelo governador João Doria (PSDB) e ao decreto municipal expedido pelo prefeito de Barueri, Rubens Furlan (PSDB), tendo em vista o avanço da pandemia do novo coronavírus no município.

Leia mais: Com três mortes suspeitas, Barueri lança canal para denunciar quem 'furar' quarentena

Com isso, todas as atividades administrativas e legislativas da casa serão desempenhadas pelos servidores a partir de suas casas. A Diretoria de Tecnologia da Informação da Casa está trabalhando para criar ferramentas que permitam a realização remotamente da maior parte possível dos trabalhos dos servidores.

Na decisão, o órgão também determinou a criação de um comitê interno de monitoramento da situação, que fará reuniões virtuais periodicamente para reavaliar a situação da pandemia.

Veja mais notícias sobre CoronavírusPolítica.

Veja também: