Lindoso diz que não articula candidatura

O atual presidente da Câmara de Osasco, vereador Dr. Lindoso (PSDB), negou nesta quarta-feira, 12, que esteja articulando um nome para ocupar o comando da mesa diretora da Casa de Leis para o biênio 2019-2020.

Nos bastidores circulam informações de que Lindoso conversa com seis parlamentares para apresentar um nome para a eleição que acontece no próximo dia 20. "Não estou articulando nada. A gente ouve os colegas e conversa, mas ainda não existe um consenso sobre a eleição da mesa diretora", disse, completando que não fará parte da mesa. "Vou abrir espaço para outros", pondera.

Até o momento, existem dois nomes na disputa pela presidência da Câmara de Osasco. Um deles é o de Ribamar Silva (PRP), que é o candidato do prefeito Rogério Lins (Pode). O outro nome é o do vereador Tinha Di Ferreira (PTB) um dos únicos a fazer oposição ao prefeito.

Sobre o racha no PSDB, o parlamentar explicou que tem provas da traição do atual chefe de gabinete de Rogério Lins, José Carlos Vido, e rebateu as acusações de que deseja ser dono do partido. "Votei para o De Paula ser presidente. Não quero ser dirigente do partido. Se eu quisesse teria disputado a presidência com o De Paula", finaliza.

Veja também: