Com queda de 7,33%, governo arrecada R$ 617 bilhões

Com queda de 7,33%, governo arrecada R$ 617 bilhões
Com a retração na economia e a alta no desemprego nos primeiros seis meses de 2016, a arrecadação de impostos também sofreu um revés e​ caiu 7,33%, na comparação com o mesmo período do ano passado. A Receita Federal anunciou na quinta-feira (28) que foram R$ 617,257 bilhões recebidos pelo governo.
"Foi menor por causa da forte retração da atividade econômica. Atualmente, os níveis de emprego, a queda do consumo e a queda da produção industrial estão refletindo no resultado", afirmou disse Claudemir Malaquias, chefe do Centro de Estudos Tributários e Aduaneiros da Receita Federal. 
Em junho, o governo federal arrecadou R$ 98,129 bilhões em impostos e contribuições, 7,14% menor em relação ao mesmo mês de 2015. O resultado é o pior para junho desde 2010. 
Segundo a Receita, entre os principais fatores que influenciaram o recuo está a queda da Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins) e Contribuição para o PIS/Pasep, com redução real de 8,45%. Também houve diminuição de 10,2% no volume de vendas de bens e 7,58% a menos no Imposto de Renda. 
"A retomada da arrecadação virá com a recuperação do nível de emprego, consequentemente, com o nível de renda das famílias e a retomada do consumo", completa Malaquias.