Uma perda irreparável a morte do ator Lúcio Mauro. Quem não se lembra dele?

lucio-mauro-chico-anysio-escolinha-do-professor-raimundo-acervo-globo-_fixed_large
Diversos parentes, amigos e fãs se despedem nesta manhã (13) do ator e comediante Lúcio Mauro, que faleceu aos 92 anos. O velório, aberto ao público, ocorre no Theatro Municipal, no centro do Rio de Janeiro. O corpo será cremado amanhã (13), no Cemitério da Penitência, na região portuária da capital fluminense.
O ator Lúcio Mauro encena com Chico Anysio na Escolinha do Professor Raimundo (Reprodução TV GLOBO)

 Natural de Belém, Lúcio Mauro começou a atuar em teatros estudantis, passando por emissoras de rádio e televisão até chegar à Rede Globo em 1966, com 39 anos. Foi parceiro de Chico Anysio em clássicos da comédia brasileira como Chico City e Escolinha do Professor Raimundo. Também participou de programas humorísticos como Os Trapalhões, Balança mas não cai, Os Normais, Zorra Total e A Grande Família, além de diversas novelas e filmes.

Lúcio Mauro tinha problemas respiratórios e havia sofrido, há três anos, um acidente vascular cerebral (AVC). Ele morreu na noite de sábado (11), deixando cinco netos e cinco filhos, sendo três com sua esposa Ray Luiza Araujo Barbalho e dois com a atriz Arlete Salles, com quem foi casado entre 1958 e 1970.

O ator estava internado há cerca de quatro meses na Clínica São Vicente, no bairro da Gávea, zona sul do Rio de Janeiro. "Foi uma esticada que ele não merecia. Acho que ninguém merece. Quando o corpo já está falindo e você fica numa cama sem mais perspectivas. Mas cada um tem a sua missão. E ele cumpriu a dele", disse Lúcio Mauro Filho.