Uma Aventura Lego 2

Legos estreiam na telona - Foto: Divulgação

Uma Aventura Lego foi uma das maiores surpresas do cinema, afinal, um filme feito para vender brinquedos acabou se mostrando absurdamente criativo, divertido e interessante e se tornou uma das melhores animações já feitas. Então não chega a ser uma surpresa o fato da sequência ser muito boa, mas incapaz de superar ao original. Simplesmente porque a tarefa era extremamente difícil.
Embora Uma Aventura Lego 2 seja um filme ambicioso, com boa história e mensagens ponderadas sobre a importância de estar aberto a novas ideias, acaba menos interessante por uma armadilha da própria franquia: o fato do primeiro revelar que esse mundo de fantasia é na verdade a imaginação de um garoto brincando com Lego, tira parte da graça dessa sequência, cujo foco é a relação de dois irmãos que não conseguem brincar juntos e como isso afeta a vida dos personagens de Lego.
A narrativa aproveita bem essa temática e explora de forma interessante a relação dos irmãos e como a disputa faz a vida de Emmet e seus companheiros ficar difícil no mundo de Lego. Só quer é exatamente saber disso que tira parte da magia da trama ao deixar claro que aquele mundo de fantasia é apenas imaginação das crianças.
Com isso, prejudica o desenvolvimento dos personagens Lego e dos antagonistas, bastante interessantes por sinal, mas que sabemos não serem realmente seres malignos. E pior, nenhuma ameaça parece realmente perigosa, afinal, nada daquilo é real e só depende das crianças pararem de brigar para os personagens terem paz e impedirem o fim de tudo.
Como o filme é para crianças, essa questão vai passar despercebida pela maioria do público alvo, mas os adultos que amam uma boa animação podem acabar frustrados, mesmo com a presença de personagens malucos que garantam momentos inesquecíveis, simplesmente por saberem que ninguém está realmente em risco.
Mas é fato que, não importa a sua idade, é sempre incrível ver coisas bizarras tratadas com naturalidade como, por exemplo, a tripulação da nave de Rex, novo aliado de Emmet, ser composta por Velociraptors que amam Tênis. E, como já era esperado, as cenas musicais são ótimas, especialmente a introdução da rainha malvada que não é má. Tudo muito colorido, com músicas animadas e momentos pra lá de criativos. Obviamente, as referências da cultura pop dão um tom especial ao longa.
Uma Aventura Lego 2 é uma animação bastante divertida e cheia de momentos imaginativos e coloridos, mas que acaba perdendo um pouco da magia exatamente pela reviravolta surpreendente do filme original, o qual remove o senso de urgência da situação enfrentada por esses personagens. Mesmo assim, é uma sequência digna e muito divertida, que tanto adultos quanto crianças vão amar, especialmente quem já gosta das pecinhas.

Confira mais sobre as estreias da semana no site www.cineclick.com.br

Veja também: