Sesc terá festival internacional de circo

Smashed trabalha com a sincronia, como o malabarismo

Circos - Festival Internacional Sesc de Circo chega à 5ª edição da produção contemporânea circense brasileira e estrangeira, com espetáculos, intervenções e atividades formativas que, ao longo de 11 dias, de 13 a 23 de junho, circularão por unidades do Sesc na capital e Guarulhos.

O festival promove o encontro entre artistas de diferentes culturas, técnicas e habilidades, como acrobacia, malabarismo, equilibrismo, palhaçaria e ilusionismo. Atento a uma tendência mundial, também aposta na integração entre a linguagem circense e outras, como dança, música, teatro e cinema.

São 23 espetáculos, com representantes de 20 países e de diferentes estados brasileiros. Uma estreia mundial (Ex-libris, da Espanha) e 14 inéditos no país, entre eles Smashed, da companhia GandiniJuggling, selecionado para a abertura do festival. O espetáculo britânico, cujo desenho de movimento é inspirado em trabalhos da coreógrafa alemã Pina Bausch, trabalha a sincronia entre técnicas tipicamente circenses – como o malabarismo – e elementos do universo coreográfico.

Entre os brasileiros, Das Cinzas Coração simula um filme mudo dos anos 1920, por meio de figurinos, maquiagem e efeitos de iluminação, e usa a palhaçaria e o humor crítico para discutir a desigualdade de gênero. Já Bubuia, indicado para a primeira infância, instiga a imaginação e a percepção sensorial a partir do conto de Guimarães Rosa "A terceira margem do rio".

A programação completa e ingressos estão em sescsp.org.br/circos.

Veja também: