Sidebar Menu

Morre a fundadora da rede Eiko Yakissoba por suspeita de Covid-19

​Família lamente a morte de Eiko Gonçalves


A fundadora do restaurante Eiko Yakissoba, Eiko Gonçalves, morreu, nesta terça-feira (25), com suspeita de contaminação pelo novo Coronavírus (Covid-19). O restaurante tem unidades em Jandira e Itapevi há mais de 20 anos e conquistou popularidade pela culinária e o talento da empresária.

Em uma nota, a filha da empresária, Michelly Saiury, confirmou a morte da mãe. "90% que o falecimento é a Covid-19", diz em nota Michelly.

A Prefeitura de Jandira ainda não confirmou a morte oficialmente. A nota da família pede que todos tomem cuidados e higienes.

A Eiko Yakissoba tem lojas em Jandira e Itapevi. Ainda não foram divulgadas informações sobre enterro e sepultamento.

Veja mais notícias sobre Coronavírus.

Veja também: