URGENTE: Itapevi registra primeiro caso de varíola dos macacos na região

As informações foram confirmadas pela Secretaria Estadual de Saúde. A pasta não informou até o momento a idade da vítima ou se ela viajou para o exterior
Doença é considerada altamente contagiosa (Rovena Rosa/Agência Brasil/Divulgação)

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) confirmou, nesta quarta-feira (29), que um morador de Itapevi foi contaminado pelo vírus monkeypox, conhecido como varíola dos macacos. A pasta ainda não divulgou a idade e se o paciente viajou para o exterior. 

Segundo a SES, o estado de SP já registou 24 casos da varíola dos macacos (Monkeypox) até o momento. Desses casos, 12 são oriundos de pacientes que viajaram para a Europa. Outros 12 são autóctones, que não têm histórico de terem saído do País recentemente. 

Todos os casos estão com boa evolução do quadro e são acompanhados pelas vigilâncias epidemiológicas dos municípios em que estão instalados. Há 19 casos em São Paulo, dois em Indaiatuba e um em Vinhedo, no interior do estado, um em Santo André, no ABC Paulista e um em Itapevi, na Grande São Paulo.

A Prefeitura de Itapevi ainda não se manifestou, no entanto, afirma que não havia sido notificada do caso. O Ministério da Saúde (MS) informa que todas as medidas de contenção e controle foram adotadas imediatamente após a comunicação de que se tratava de casos suspeitos de monkeypox, com o isolamento dos pacientes e rastreamento dos contatos. 

A pasta federal, por meio da Sala de Situação e do CIEVS Nacional, segue em articulação direta com os estados para monitoramento e rastreamento de possíveis infectados.

Veja mais notícias sobre Metrópole.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Terça, 09 Agosto 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://girosa.com.br/