Logo Giro
Search
Close this search box.
giro

Justiça Militar decreta prisão de dois cabos por furto em quartel de Barueri

Logo Giro
Metralhadoras sumiram do Arsenal de Guerra em Barueri (Divulgação/ Exército Brasileiro)

Militares estão presos por suspeita de envolvimento no desaparecimento de armamento em 2023 do Arsenal de Guerra em Barueri

A Justiça Militar decretou as prisões de dois cabos que são acusados de participarem do furto de 21 metralhadoras do Arsenal de Guerra, em Barueri, em setembro do ano passado. Os mandados de prisão preventiva foram cumpridos na última sexta-feira (22) e as informações divulgadas nesta segunda-feira (26).

LEIA TAMBÉM: Exército conclui inquérito sobre armas furtadas de quartel em Barueri

Segundo as informações oficiais, os dois militares seguem presos no 2º Batalhão de Polícia do Exército, em Osasco. O furto das metralhadoras ocorreu durante o feriado de 7 de Setembro, mas a descoberta só ocorreu em 10 de outubro. Um militar notou que o cadeado da sala de armas havia sido trocado e decidiu recontar o arsenal.

De acordo com a investigação do Exército, militares furtaram as metralhadoras para negociar as armas com traficantes de drogas ligados a facções criminosas de São Paulo e Rio de Janeiro.

Armas de Barueri encontradas em São Roque e Rio de Janeiro

Dez metralhadoras foram abandonadas por criminosos dentro de veículos no Rio, sendo oito em 19 de outubro e duas em 1º de novembro. No documento da força de segurança fluminense, um policial contou que a Polícia Civil do estado negociou com integrantes do CV, por meio de interlocutores, a devolução das dez armas.

Já outras nove metralhadoras foram encontradas em 20 de outubro em São Roque, interior paulista. Segundo a Polícia Civil de São Paulo, bandidos que estavam com as armas furtadas trocaram tiros com policiais e fugiram, deixando-as num lamaçal. Nenhum suspeito foi preso e ninguém se feriu.

Jornalismo regional de qualidade
Há mais de 16 anos, o GIRO noticia os acontecimentos mais importantes nos 12 municípios que compõem o consórcio *Cioeste. Essas cidades estão localizadas na Região Oeste Metropolitana de São Paulo e possuem uma população que ultrapassa os 2,5 milhões de habitantes.    

Siga o perfil do jornal no Instagram e acompanhe outros conteúdos.

*Cioeste: Araçariguama, Barueri, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Itapevi, Jandira, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Santana de Parnaíba, São Roque e Vargem Grande Paulista.

YouTube video

Receba nossas notícias em seu e-mail